03 março 2009

ESCÂNDALO! A MAÇONARIA VIOLA AS LEIS LABORAIS!

A Maçonaria é uma Fraternidade. Fraternidade pressupõe convívio. Amizade. Vivenciar em conjunto momentos de alegria e boa disposição. E humor!

Desengane-se quem porventura pense que os maçons são um grupo de sisudos, constantemente embrenhados em esotéricos pensamentos e elaborados exercícios de aperfeiçoamento. Os maçons são, acima de tudo, homens normais, que tentam ser bons e buscam ser melhores, mas sempre e só normalíssimos homens, de carne e osso e sangue, com alegrias e tristezas, vitórias e derrotas, dedicando-se ao trabalho, mas também ao lazer, ao estudo, mas também à descontração. E forjam os seus laços de amizade e união no convívio, em que o respeito mútuo se mistura com a brincadeira. E sabem, e praticam-no, que há alturas em que se trabalha e não se brinca e há momentos em que se brinca e não se trabalha.

O humor também é cultivado e apreciado entre os maçons. As melhore anedotas de maçons que ouvi... foram inventadas por maçons. E, como todos aqueles que são equilibrados sabem, uma muito saudável forma de humor é exercê-lo sobre nós mesmos. Portanto, aqui vai!

ESCÂNDALO! A MAÇONARIA VIOLA AS LEIS LABORAIS!

Estudos feitos por investigadores do fenómeno maçónico, que rejeitaram suspeitas de serem antimaçons, não obstante admitirem integrar o D. I. O. G. O. (Departamento de Investigação da Ordem do Grande Arquiteto e seus Obreiros), trouxeram à luz do dia que a encoberta instituição da Maçonaria afinal não passa de uma sinistra organização, que viola descaradamente as leis laborais e atenta contra os mais elementares direitos dos trabalhadores.

Segundo o A Partir Pedra apurou, da aprofundada investigação resultaram algumas embaraçosas perguntas:
  • Se a lei laboral estipula que o horário de trabalho é de oito horas diárias e 40 horas semanais, porque é que a Maçonaria obriga os seus Obreiros a trabalhar desde o meio-dia até à meia-noite, todos os dias do ano?
  • Sendo proibido o trabalho infantil e estando assente que assim se considera o trabalho de menores de 14 anos, como é possível que a Maçonaria permita em suas Lojas Obreiros com menos de 4 (quatro) anos?
  • Sendo do conhecimento comum que as normas de Higiene e Segurança do Trabalho impõem o uso de equipamento de proteção individual, como se justifica que a Maçonaria permita que os seus Obreiros trabalhem partindo, aparelhando e polindo pedras brutas, usando apenas um avental, sem óculos, máscaras e outros equipamentos de proteção?
  • A Maçonaria paga subsídio de trabalho noturno pelo trabalho realizado após as 22:00 horas?
  • Verificando-se que a Maçonaria não tem representação de classe (sindicato), com que critérios estabelece, sem audição das Centrais Sindicais, o Aumento de Salário de seus Obreiros?
  • Porque a Maçonaria permite um Grande Arquiteto na direção de seus trabalhos que, ao que se saiba, não se encontra inscrito na Ordem dos Arquitetos?
  • O ágape servido aos Irmãos é computado como pagamento de salário em espécie?
  • Como pode o V. M. aceitar a manifestação dos obreiros de que estão satisfeitos, apenas através de um batimento da mão no avental? Por acaso é emitido recibo ou alguma declaração escrita?
  • As Colunas possuem projeto de segurança aprovado e certificado e sinalização de segurança adequada?
Perguntas baseadas em trabalho elaborado por "John Gotheyra" e publicado na página 19 da revista Cultural Maçónica brasileira "Engenho e Arte", nº. 1, de outubro de 1998, complementado pelo Irmão R. B. P., da A.R.L.S. Acácia de Avaré nº 590, G.L.E.S.P. e com adaptação livre para publicação neste blogue efetuada por

Rui Bandeira

10 comentários:

josé carlos soares .˙. disse...

Atenção meus Irmãos: não esqueçam a reunião a coberto de olhares profanos, em local por nós conhecido, sem chuva por perto, e onde iremos celebrar a famosa missa negra. Eu já tenho as galinhas e os enviados do vaticano, da casa branca, do kremlin e do banco mundial trazem as vestais para o sacrifício. o pessoal da jhiad e os da mossad transportam o presunto e o monopólio para dividirmos o mundo entre nós.

Diogo disse...

Departamento de Investigação da Ordem do Grande Arquitecto e seus Obreiros não dá D. I. O. G. O.

Mas,

Democratas Intrigados com a Ordem do Grande Oriente, já funciona.

A propósito, o que é o Grande Oriente? Porquê Oriente?

Rui Bandeira disse...

@ josé carlos soares:

Ouve lá, ó meu! Essa das vestais não era para se mencionar em público! Nunca ouviste falar de segredo maçónico???? Para castigo, na próxima reunião, ficas tu encarregado de tomar conta do bode!

@ Diogo:

Efetivamente o acrónimo que escolhi não é lá grande coisa. Foi o que se pôde arranjar... Para o acrónimo bater certo, é necessário considerar unificadamente a expressão "Grande Arquiteto".

Também me lembrei de um acrónimo parecido ao que indica, mas optei por não o utilizar, porque o texto se refere à "Maçonaria" e o Grande Oriente é apenas uma das organizações que se reclamam da Maçonaria. Aliás, os maçons que escrevem este blogue são todos elementos da Loja Mestre Affonso Domingues, que não se integra no Grande Oriente Lusitano, mas na GLLP/GLRP (Grande Loja Legal de Portugal / Grande Loja Regular de Portugal).

Quanto às duas perguntas que colocou, responder-lhes-ei em texto a publicar muito brevemente. Terá o título de "Oriente".

josé carlos soares .˙. disse...

Mestre Rui e mui Digno Ilustre Obreiro da Grande Obra do bode. humildemente peço desculpa pela divulgação de tão sagrado segredo. Honrarei o Bode, como de resto sempre o fazemos, da mesma forma que honramos o porco preto e os seus seg(c)red(t)os.

Julio Serra disse...

Irmaos,

Essa é minha primeira visita a seu blogue e ja me fui agraciado com fervorosas risadas com esse texto. Vocês estão de parabens!

Julio Cesar Lopes, Oriente de São Paulo, BR

JPSetúbal disse...

Vocês tem a mania de gozar comigo, sempre que, como 1.V, olho para o relógio para conferir as horas...
Esperem pela pancada... Vou exigir o pagamento das horas extra, todas até agora, ou então vou para o Sindicato fazer um chinfrim dos diabos !

josé carlos soares .˙. disse...

JP não me digas que o teu relógio está igual ao meu: só indica o meio dia e a meia noite...

Rui Bandeira disse...

@ josécarlos soares:

Continuas dessintonizado! Se tivesses lido o último número do Joenal do Chefe Supremo, sabias que agora já somos mais modernos e não consumimos "secretos" de porco preto. Agora, é só "discretos" de porco preto!

@ Julio Serra:

Seja bem-vindo a este espaço. Não costuma ser tão levezinho, mas procuramos que seja um espaço de interesse para os maçons e os profanos que se interesam pela maçonaria. Volte sempre1

@ JPSetúbal:

Qual sindicato? Não há...

@ josécarlos soares (outra vez):

Lá estragaste tu a reivindicação ao JPSetúbal. O Jurista do Chefe Supremo já me contactou a avisar que não são aceites reclamações sobre o horário de trabalho, por falta de prova sobre as horas de entrada e saída, devido a notório uso em exclusivo de relógios avariados!

Paulo disse...

Então e já se esqueceram que o 1º V:. "despede" os Obreiros, felizes e contentes? Cadé a indemnização, o certificado de trabalho e a justa causa? Estou mesmo a ver que lá vamos ter uma greve na Maçonaria. Isto tem muito que se lhe diga ... pois então!

Unknown disse...

Alguém poderia me ajuda deixarei me contato. assunto Dragon Slayer e portado da luz enivaldo.pestana@gmail.com abrigado