15 janeiro 2008

A Maçonaria X Ambiente

Estive estes últimos dias completamente fora do A-Partir-Pedra (claro, já sei que bem podia continuar, obrigado !) mas como o tema Maçonaria versus Ambiente se mantém resolvi incluir mais um apontamento.
De facto tenho mais algumas coisas que gostaria de preparar para ajudar à discussão, mas as coisas têm estado demasiadamente animadas cá pró meu lado, fazendo com que não tenha tido nem disposição, nem concentração, para acompanhar os nossos queridos colaborantes blogueiros (o Rui, o Bandeira, o R.Bandeira, o RB, … uma data deles!).

Entretanto apanhei alguns vídeos sobre a participação dos Maçons brasileiros na defesa da Amazónia.

video

video

A Maçonaria Regular do Brasil, organizada sob o Grande Oriente do Brasil não é de capinar sentada no que se refere à participação política e todos os dias recebo notícias sobre intervenções do GOB e/ou de Lojas estaduais (como eles dizem) em assembleias, comissões de estudo, participação em iniciativas legislativas, sendo que na maioria dos casos a participação é por convite como conselheiros.

As iniciativas de carácter filantrópico são mais que muitas, no ensino, na saúde, no apoio social de toda a ordem sendo responsáveis pela recuperação e manutenção de muitas pequenas povoações onde a vida seria degradante, não fosse a intervenção daqueles nossos Irmãos organizando e mantendo escolas, postos de saúde, pequenas indústrias e pólos de desenvolvimento artesanal.

A intervenção na defesa da Amazónia, que os vídeos retratam, tem uma face de defesa ambiental mas tem, também, uma clara e confessada faceta de defesa da independência territorial.
Para nós e para o tema presente interessa-me a luta declarada pela manutenção da selva amazónica, pulmão de um mundo que está com uma tosse cada vez mais cavernosa e com os pulmões todos infectados.
Vamos a ver se este “antibiótico” ainda vai a tempo.

JPSetúbal

3 comentários:

Simple disse...

@ JPSetúbal:
De facto, em vez de um coral afinadinho, temos tido um solista pautado por pequenos apontamentos aqui e ali; esperemos que a voz não lhe doa, e um destes dias não fique afónico... É que muito gostaria de ler mais do JPSetúbal, do José Ruah, do JPS, do JoséSR, do PSetúbal, e quiçá qualquer coisita do Zé Ruah e do JP!

Pelo que me toca, irei continuando a "acicatar" o Rui com esta história do Ambiente (o que parece estar a dar algum resultado, que os textos dele sobre o tema estão cada vez melhores), a ver se ainda apanham o tema antes das conclusões finais...

Um grande abraço,
Simple Aureole

Rui Bandeira disse...

@ simple:

Lamento informar, mas, apesar dos "acicates", o meu próximo texto sobre MAÇONARIA E AMBIENTE vai concluir, pela parte que me toca, a série.
Não é por nada de especial, apenas porque foi assim que programei a série...
Um abraço.

P.V.S. disse...

Para os interessados neste tema, está disponível para download gratuito no sítio da Grande Loja Maçónica do Estado do Rio de Janeiro o livro do Grão Mestre desta Grande Loja, Waldemar Zveiter, cujo titulo é precisamente “A MAÇONARIA PELA INTEGRIDADE DA AMAZÔNIA EM DEFESA DA SOBERANIA DO BRASIL”.

Deixo abaixo o link desta G.L:

http://www.maconaria-rj.org.br/


Cumprimentos,
P.V.S - Portimão, Portugal.